O peregrino

O calor sufocava. A estrada de terra se estendia à frente, sinuosa, cortando um enorme campo de girassóis, a perder de vista. No entanto, o mais importante e doloroso é que não conseguia encontrar nenhuma árvore, uma sombra para se proteger do sol. Estava exausto, sedento, faminto, quase sem rumo, mas persistia no caminho, mochilaContinuar lendo “O peregrino”