Tudo bem no ano que vem.

E não é que estamos chegando ao fim de 2019? Mas por favor, não se preocupem, não vou fazer nenhuma retrospectiva, isso é com a imprensa, que precisa vender jornal numa época do ano em que ninguém está interessado no passado. Enfim, claro que não vou entrar nesse erro e minha ideia é (ou era)Continuar lendo “Tudo bem no ano que vem.”